📅 Atenção! Devido ao estado de calamidade pública, os prazos nos procedimentos do MPT-RS que vencerem neste período ficam prorrogados até 6/6, com exceção dos casos urgentes, relativos à calamidade pública, e os declarados pelo(a) membro(a) oficiante. Ademais, faculta-se ao(à) membro(a) oficiante a realização de audiências na modalidade telepresencial.


☎️ O atendimento ao público segue pelos canais online e, no horário de expediente, pelos seguintes telefones:

PRT Porto Alegre (51) 3252-1500
PTM Caxias do Sul (54) 3201-6000
PTM Novo Hamburgo (51) 3553-7250
PTM Passo Fundo (54) 3316-4300
PTM Pelotas (53) 3310-7700
PTM Santa Cruz do Sul (51) 3740-2550
PTM Santa Maria (55) 3174-1200
PTM Santo Ângelo (55) 3931-3300
PTM Uruguaiana (55) 3414-4800

⚠️ Recomendação nº 1/2024: emissão gratuita de atestados de exposição a enchentes
⚠️ Recomendação nº 2/2024: adoção de medidas trabalhistas alternativas e diálogo social

Procurador-chefe recebe integrantes da Themis

Dirigentes buscaram apoio ao projeto "Trabalhadoras Domésticas: Construindo Igualdade no Brasil"

     O procurador-chefe do Ministério Público do Trabalho no Rio Grande do Sul (MPT-RS), Fabiano Holz Beserra, recebeu na tarde desta quinta-feira (21/8), consultoras do projeto "Trabalhadoras Domésticas: Construindo Igualdade no Brasil", da Themis - Gênero, Justiça e Direitos Humanos. Leidiane Pias Dias e Fabiane Mendes explicaram que o projeto tem como objetivo fortalecer os sindicatos de trabalhadoras domésticas para a defesa de seus direitos. O grupo debateu estratégias conjuntas para a efetivação dos direitos dos trabalhadores domésticos. Uma das ideias levantadas é a produção de campanhas publicitárias em defesa da causa.
     Conforme o site da Themis, "a história da organização se mescla e se confunde com as lutas e conquistas das mulheres brasileiras. Fundada em 8 de março de 1993 por um grupo de advogadas e cientistas sociais feministas com o objetivo de enfrentar a discriminação contra mulheres no sistema de justiça, tem como missão ampliar as condições de acesso à justiça. É uma associação civil com sede em Porto Alegre (RS), com projetos e parcerias nacionais".

Fabiano, Fabiane e Leidiane
Fabiano, Fabiane e Leidiane

Texto: Flávio Wornicov Portela (reg. prof. MTE/RS 6132)
Foto: Gustavo Dutra de Souza (estagiário de Jornalismo)
Publicação no site: 20/8/2014

Tags: Agosto

Imprimir