⚠️ Atenção! Devido ao estado de calamidade pública, os prazos nos procedimentos do MPT-RS que vencerem neste período ficam prorrogados até 6/6, com exceção dos casos urgentes, relativos à calamidade pública, e os declarados pelo(a) membro(a) oficiante.

Ademais, faculta-se ao(à) membro(a) oficiante a realização de audiências na modalidade telepresencial.


O atendimento ao público segue pelos canais online.

Recomendação nº 1/2024: emissão gratuita de atestados de exposição a enchentes
Recomendação nº 2/2024: adoção de medidas trabalhistas alternativas e diálogo social

Procurador-chefe e vice-procurador geral do Trabalho visitam procurador-geral de Justiça do RS

     O procurador-chefe do Ministério Público do Trabalho no Rio Grande do Sul (MPT-RS), Fabiano Holz Beserra, visitou nesta sexta-feira (23) o procurador-geral de Justiça do Rio Grande do Sul, Eduardo de Lima Veiga. Acompanharam-no o vice-procurador geral do Trabalho, Eduardo Parmeggiani, e o procurador-chefe substituto eventual Paulo Joarês Vieira. Durante a reunião, Eduardo Veiga falou da honra e satisfação em receber os representantes da Administração do MPT. Também foram abordados temas comuns de MPE e MPT, como o Disque 100, através do qual o MPT recebe denúncias sobre trabalho infantil e o MPE, sobre violência contra a mulher e contra crianças e adolescentes. Participou da reunião também o subprocurador-geral de Justiça para Assuntos Institucionais, Marcelo Dornelles.

 

 
Paulo Joarês Vieira, Eduardo Parmeggiani e Fabiano Holz Beserra, do MPT, e Eduardo de Lima Veiga e Marcelo Dornelles, do MPE-RS.
Paulo Joarês Vieira, Eduardo Parmeggiani e Fabiano Holz Beserra, do MPT, e Eduardo de Lima Veiga e Marcelo Dornelles, do MPE-RS.

 

Com informações do MPE-RS
Foto: Assessoria de imprensa (MPE-RS)
Publicação no site: 26/5/2014

Tags: Maio

Imprimir